Aprendi a andar de bicicleta em 2012, quando tinha 22 anos, e já estava muito sensibilizada para as questões ambientais. O meu objectivo era conseguir deslocar-me de forma responsável. Comecei por fazer pequenos percursos, para substituir algumas deslocações de carro. Em 2015 comecei a trabalhar em Lisboa. Com um rio para atravessar a meio do percurso, apenas adquiri o passe para o barco. E é desde então que utilizo a bicicleta no meu dia-a-dia como meio de transporte, em articulação com transportes públicos.
Gradualmente fui colocando a bicicleta noutras deslocações, como ir às compras, saídas sociais, etc. Já consigo fazer todos os caminhos que quero, sem utilizar o carro, inclusivamente transportar a minha cadela Aveia comigo – adquiri os equipamentos que mo permitem fazê-lo de forma segura.
Mais recentemente aderi às viagens, e em 2017 comecei a registá-las, quando tive o meu primeiro smartphone.

Mapa por onde me desloco habitualmente em bici.
Transporte de mercadoria e da cadelinha Aveia.

Mapa das viagens em bici